quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

"CONFRATERNIZAÇÃO DOS ALUNOS DO CETEO"

Confraternização dos alunos do Curso Básico de Teologia. Foi muito bom...
Que DEUS abençoe cada aluno e que 2010 seja de muitos estudos...


Última aula do ano de 2009. Também a despedida da Professora Aparecida Gomes Machado (Cida), ela está indo embora para São Paulo. Sentiremos saudades, pois era uma ótima professora. O Curso Teológico CETEO agradece a Professora Cida Gomes pelo seu empenho e dedicação pelo trabalho na obra do Senhor!

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

"ACHANDO A PURIFICAÇÃO"


TEMA: II° REIS CAP. 05 v. 01


Se quisermos ser purificados pelo Senhor, precisamos aprender com essa história bíblica...


  1. A RESPOSTA DE DEUS VEM DE QUEM MENOS ESPERAMOS: (II° Rs. 05 v. 03) = “Disse ela à sua senhora: Tomara o meu senhor estivesse diante do profeta que está em Samaria; ele o restauraria da sua lepra.” / Apesar se seu país, Israel, perdera a guerra e ela fosse pega como escrava, ela não deixou de abençoar e mostrar o poder de Deus.

  1. DEVEMOS PROCURAR QUEM TEM AUTORIDADE PARA FAZER ALGO: (II° Rs. 05 v. 05 e 06) = “Respondeu o rei da Síria: Vai, anda, e enviarei uma carta ao rei de Israel. Ele partiu e levou consigo dez talentos de prata, seis mil siclos de ouro e dez vestes festivais. Levou também ao rei de Israel a carta, que dizia: Logo, em chegando a ti esta carta, saberás que eu te enviei Naamã, meu servo, para que o cures da sua lepra.” / Naamã procurou o seu superior, pois ele tinha autoridade e domínio para enviá-lo a Israel.

  1. DEUS AGE EM NOSSAS VIDAS ANTES DO MILAGRE: (II° Rs. 05 v. 07) = “Tendo lido o rei de Israel a carta, rasgou as suas vestes e disse: Acaso, sou Deus com poder de tirar a vida ou dá-la, para que este envie a mim um homem para eu curá-lo de sua lepra? Notai, pois, e vede que procura um pretexto para romper comigo.” / Mesmo o rei de Israel dizendo que não podia fazer nada, Deus já estava no controle. Preparou o profeta Eliseu.

  1. DEUS QUER USAR OS NOSSOS PROBLEMAS PARA GLORIFICAR SEU NOME: (II° Rs. 05 v. 08) = Ouvindo, porém, Eliseu, homem de Deus, que o rei de Israel rasgara as suas vestes, mandou dizer ao rei: Por que rasgaste as tuas vestes? Deixa-o vir a mim, e saberá que há profeta em Israel. / Sua vida é um canal para propagar a glória de Deus !

  1. DEUS NÃO AGE COMO PENSAMOS: (II° Rs. 05 v. 10 e 11) = Então, Eliseu lhe mandou um mensageiro, dizendo: Vai, lava-te sete vezes no Jordão, e a tua carne será restaurada, e ficarás limpo. Naamã, porém, muito se indignou e se foi, dizendo: Pensava eu que ele sairia a ter comigo, por-se-ia de pé, invocaria o nome do SENHOR, seu Deus, moveria a mão sobre o lugar da lepra e restauraria o leproso. / Do jeito que Deus age, às vezes nos decepcionamos, mas Ele sempre tem o melhor.

  1. PRECISAMOS ACREDITAR NA PALAVRA DE DEUS: (II° Rs. 05 v. 12 e 13) = Não são, porventura, Abana e Farfar, rios de Damasco, melhores do que todas as águas de Israel? Não poderia eu lavar-me neles e ficar limpo? E voltou-se e se foi com indignação. Então, se chegaram a ele os seus oficiais e lhe disseram: Meu pai, se te houvesse dito o profeta alguma coisa difícil, acaso, não a farias? Quanto mais, já que apenas te disse: Lava-te e ficarás limpo. / Sem fé é impossível agradar a Deus.

  1. AÍ SIM VEM O MILAGRE, A PURIFICAÇÃO: (II° Rs. 05 v. 14) = Então, desceu e mergulhou no Jordão sete vezes, consoante a palavra do homem de Deus; e a sua carne se tornou como a carne de uma criança, e ficou limpo.

  1. E O NOME DE DEUS É GLORIFICADO: (II° Rs. 05 v. 15 e 18) = Voltou ao homem de Deus, ele e toda a sua comitiva; veio, pôs-se diante dele e disse: Eis que, agora, reconheço que em toda a terra não há Deus, senão em Israel; agora, pois, te peço aceites um presente do teu servo. Nisto perdoe o SENHOR a teu servo; quando o meu senhor entra na casa de Rimom para ali adorar, e ele se encosta na minha mão, e eu também me tenha de encurvar na casa de Rimom, quando assim me prostrar na casa de Rimom, nisto perdoe o SENHOR a teu servo.


AUTOR: EVANGELISTA GERALDO DE ALMEIDA FILHO

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

"QUEM PODE SER LÍDER NA IGREJA DE CRISTO ?"


A escolha e nomeação de líderes na igreja de Cristo é um processo de vital importância, cuja eficácia é comprometida por dois posicionamentos extremos.


Por um lado, muitas pessoas potencialmente capacitadas pelos parâmetros apresentados nas Escrituras não se imaginam atuando como líderes, pois têm seus conceitos sobre liderança permeados por paradigmas humanos, ultrapassados e não valorizados por Deus.

Para estas pessoas, os líderes têm habilidades naturais que não podem ser aprendidas. Pensam que líderes são aqueles indivíduos visivelmente percebidos como tal, porque tendem a impor melhor suas idéias e conseguem manifestar sua influência sobre outros com muito mais intensidade do que são influenciados por estes.

Indivíduos com esse perfil são rotulados de "líderes natos" - aqueles superdotados no campo dos relacionamentos - cuja ascendência nas relações é notada desde a mais tenra idade. O sentimento de incapacidade é inevitável para muitos que possuem esse elevado e distorcido conceito sobre liderança cristã. Como conseqüência, a igreja de Cristo fica desfalcada de pessoas de valor que poderiam atuar com muita relevância na sua edificação.

Por outro lado, as demandas carentes de líderes se avolumam e mesmo imbuídos da mais nobre intenção de fazer com que as coisas na igreja aconteçam, somos impulsionados a nomear líderes ignorando as orientações bíblicas que deveriam nortear este ato.

As escolhas são direcionadas pela necessidade e, quando muito, por aquilo que se conhece das credenciais humanas, mas não pelos critérios apresentados nas Escrituras.

As experiências profissionais, as habilidades naturais e às vezes somente o fato de alguém aceitar o desafio são os elementos considerados suficientes para conduzir o processo. Como conseqüência, a igreja de Cristo acaba sendo liderada por pessoas biblicamente desqualificadas, cujas atuações são altamente prejudiciais à saúde do Corpo de Cristo.

Em um extremo verificamos a busca pelos poucos naturalmente superdotados e no outro extremo a postura de que qualquer um serve.

À luz dessas considerações, faz-se necessário desmistificar a liderança cristã, sem diminuir sua grandiosidade, e buscar na Palavra de Deus os princípios estabelecidos por Ele para colocar alguém nesta posição.

Se quisermos atuar em obediência ao Senhor, não podemos admitir procedimentos que ignoram Seus critérios para a escolha dos líderes da Sua igreja.

A Palavra de Deus nos apresenta em 1Timóteo 3 e Tito 1 os parâmetros essenciais para a escolha dos oficiais da igreja de Cristo, sejam eles bispos (ou supervisores), sejam eles diáconos.

Os candidatos a líderes na igreja de Cristo, quer liderando algum ministério, quer atuando no diaconato, deveriam ser submetidos ao crivo dessas passagens. São essas qualificações que Deus espera encontrar nos candidatos a líderes do Seu rebanho.

Com isto em mente, destaquemos alguns aspectos essenciais derivados de uma análise mais cuidadosa dessas duas passagens:

Em primeiro lugar é interessante perceber que não vemos nessas passagens a busca por aquelas habilidades normalmente esperadas em um "líder nato". Deus não busca pessoas que "vendam bem suas idéias", ou que influenciem outros com sua personalidade forte, ou mesmo que possuam experiências significativas no mercado de trabalho.

Pelo contrário, Deus estabelece características que são virtudes cristãs acessíveis a todo servo fiel, e que podem ser didaticamente agrupadas da seguinte forma:

- Possuir um lar bem constituído (marido de uma só mulher, filhos fiéis e bem comportados sob disciplina - "pois se alguém não lidera a própria casa como cuidará da igreja de Deus?". A hospitalidade requerida do líder também está relacionada com seu lar - é como se ele dissesse "podem ficar em casa - não tenho nada a esconder!").

- Comportar-se exemplarmente (irrepreensível, bom testemunho dos de fora, primeiramente experimentado, justo, fiel em tudo, piedoso, respeitável, amigo do bem).

- Exalar humildade (modesto, não arrogante, não neófito - para não se ensoberbecer).

- Comunicar-se com santidade (uma só palavra, não maldizente).

- Manifestar autocontrole (domínio de si, sóbrio, temperante, não violento, inimigo de contendas, cordato, não dado ao vinho).

- Apresentar desapego material (não avarento, não cobiçoso de torpe ganância).

- Manejar bem a Palavra da Verdade (apto para ensinar, apegado à palavra fiel, poder para exortar no reto ensino e convencer os que contradizem).

Em segundo lugar é necessário admitir, como desdobramento natural desse entendimento aliado à disposição de obedecer ao Senhor, que será necessário em alguns contextos tomar a corajosa decisão de não realizar alguma obra por falta do obreiro qualificado, ou não preencher algum cargo pela mesma razão.

Finalmente, em virtude deste cenário avaliado, é imperativo ressaltar a importância de se investir em vidas, através do discipulado cristão, como plataforma de formação e capacitação de líderes.

Idealmente, uma igreja sadia deveria ter mais pessoas qualificadas, ou líderes em potencial, do que líderes em exercício - pois as virtudes esperadas dos líderes são na verdade manifestações da piedade, que são, a rigor, o padrão de Deus a ser almejado por todos os seus filhos.

AUTOR: Vlademir Hernandes

quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

"ACHEI INTERESSANTE !"


Prezados ! A paz do SENHOR JESUS ! Desculpe a demora em postar novos conteúdos, pois estava muito apertado em meus estudos, estou quase formando. Mas estou de volta.
Achei um texto que um colega me enviou muito interessante, por isso, resolvi postar para vocês.
Obrigado e que DEUS vos abençoe ricamente em CRISTO JESUS !!!

"COMO É O CRENTE"

Minha Arma? A bíblia!.
Meu Lugar? A igreja...
Meu Caminho? O céu...
Minha Companhia? Jesus...
Meu Amigo? Espírito Santo...
Meu Desejo? Pregar a sua palavra!
Meu Verbo? Orar...
Meu Sonho? A salvação...
Meu Espírito? Purificado!
Meu Vício? Amar a Deus...
Meus Lances? Expulsar demônios e todo tipo de enfermidade!!!
Minha Energia? Vem de Deus...
Meu objetivo? Fazer a diferença...

E pra terminar....

Crente não canta... Louva ao pai!
Crente não toca... Esbanja talento!!!
Crente não fala... Profetiza!!!
Crente não se acha... Ele é!!!
Crente não critica... Ensina!!!
Crente não tem amigos... Tem irmãos!!!
Crente não vê... Tem visões!!!
Crente não faz chover... Faz cair bênçãos do céu!!!
Crente não falha... Porque Deus está com ele!!!
Crente não corre... Por que Deus sabe a hora certa!!
Crente não é médico... Mas cura os enfermos através de Jesus!!!
Crente não faz mágica... Mostra o poder de Deus!!!
Crente não se rebaixa... Levanta a cabeça!!!

AUTOR: Desconhecido

terça-feira, 10 de novembro de 2009

"A ORAÇÃO"


TEMA: Iº TESSALONICENSES CAP. 05 V. 17

CAUSAS DE FRACASSO NA ORAÇÃO

1. DESOBEDIÊNCIA: (Dt. 01: 42 ao 45) = A murmuração do povo, fez com que Deus se afastasse, mas mesmo assim Deus teve misericórdia e disse: Não vá, pois não estou convosco.

2. PECADOS OCULTOS: (Sl. 66: 18) = Não podemos nos entregar aos desejos da carne, pois alguns ninguém vê. Só Deus.

3. INDIFERENÇA: (PV. 01: 28 ao 30) = Não podemos ser ignorantes no que diz respeito a palavra de Deus, ao temor, ao conselho e a repreensão de Deus.

4. NEGLIGENCIA QUANTO À MISERICÓRDIA: (PV. 21: 13) = Precisamos amar as pessoas, mesmo os não crentes.

5. RECUSA EM PERDOAR OS OUTROS: (Mc. 11: 25 e 26) = Precisamos liberar o perdão. Não pode haver entre nós raiz de amargura.

6. INIQÜIDADE: (Is. 59: 02) = Precisamos nos arrepender para alcançarmos a face de Deus.

7. TEIMOSIA: (Zc. 07: 13) = Não podermos endurecer o nosso coração quanto a voz do Senhor, senão Ele não nos ouvirá.

8. INSTABILIDADE: (Tg. 01: 06 e 07) = A incredulidade é um veneno para a Igreja do Senhor. Precisamos crer.

9. INTEMPERANÇA: (Tg. 04: 03) = Não podemos compartilhar nada com o mundo. (Temperança ! qualidade daquele que é moderado nas paixões e nos apetites).


CONDIÇÕES PARA OBTER ÊXITO NA ORAÇÃO

1. CONTRIÇÃO: (II Cr. 07: 14) = Temos que nos derramar na presença do Senhor, como o vaso de Alabastro.

2. SINCERIDADE: (Jr. 29: 13) = Se buscarmos de verdade Ele nos ouvirá.

3. FÉ: (Mc. 11: 24) = A fé com certeza remove montanhas, Deus faz! Vamos ter fé.

4. JUSTIÇA: (Tg. 05: 16) = Temos que ser justos, ninguém é melhor que ninguém. Jesus morreu por todos.

5. OBEDIÊNCIA: (Iº Jo. 03: 22) = A obediência é uma das chaves da vitória.

6. SE FOR DA VONTADE DE DEUS: (Mt. 26: 37) = Até o próprio Jesus se preocupou em fazer a vontade de Deus.


AUTOR: Evangelista Geraldo de Almeida Filho (Geraldinho)

quarta-feira, 4 de novembro de 2009

"PANORAMA DO LIVRO DE PROVÉRBIOS "


“PROVÉRBIOS”


PROVÉRBIOS: A Palavra Hebraica é Mashal que significa: para ser semelhante a ou para representar. Pode ser traduzida como: Máximas = Princípios básicos da ciência e arte.

Provérbios são declarações e expressões curtas sobre princípios e verdades da vida.


DATA: Foi escrito durante os anos 1.000 a 700 a.C.

A tradição diz que o Rei Ezequias nomeou uma comissão para organizar os Provérbios num só volume para ensinar o povo no ano 700 a.C. Os profetas Isaías e Miquéias fizeram parte deste grupo. Este livro não segue ordem cronológica.


AUTORES: A maior parte foi escrita por Salomão. Ele compôs 3.000 provérbios e 1.005 cânticos. LER (Pv. 01 v. 01), (Pv. 10 v. 01), Pv. (25 v. 01). Dos cap. 10 ao 19 e 25 ao 26 (Salomão é o autor). Dos cap. 01 ao 09 e 20 ao 24 (Salomão cita ensinos de seus mestres). Dos cap. 27 ao 29 (Citados por Salomão mas copiados pelos copistas).

Agur é o autor do capítulo 30 e o Rei Lemuel, do 31, que compartilha as instruções da sua mãe. (Identidade e Histórias deles são desconhecidas).


TEMA: Pv. 09 v. 10.


PROPÓSITO: Ouça o Sábio e cresça em prudência; e o instruído adquira habilidade.


ANÁLISE: Tem provérbios na segunda pessoa do singular são os que foram ensinados pelos seus mestres e os da terceira pessoa, são os que Salomão ensinou seus discípulos e ao povo em geral.


DIVISÃO:


CAPÍTULOS


01 = Convite (da Sabedoria e dos pecadores para pecar).

02 = Exorta (O jovem a aplicar bem o ouvido).

03 = Confiar (O Sábio que confiar em Deus herdará honra).

04 = Adquirir (deve-se adquirir a sabedoria).

05 = Conselho (Corre da adúltera e alegra com a tua esposa).

06 = Conselho (Fiador, Preguiça e Maldade).

07 = Conselho (Contra as Prostitutas e Esposas infiéis).

08 = Sabedoria (Se tornar um sábio).

09 = Banquete (Participar deste banquete).

10 = Bênçãos e Maldições (Você escolhe).

11 = Integridade e Impiedade (Justo e o Perverso).

12 = Labor e Indolência (Trabalho e a preguiça).

13 = Instrução (Filho ouve seu Pai).

14 = Coração Alegre (A inveja apodrece os ossos).

15 = Coração Alegre (Faz bem a vida).

16 = Entrega o teu caminha a Deus (Deus conhece o futuro).

17 = A tolice (O perigo da tolice).

18 = As palavras (Tenha palavras sábias, não seja tolo).

19 = Corrige (Castiga o Filho).

20 = Nada encontra (Preguiçoso).

21 = O Senhor guia os corações (Viva para o Senhor).

22 = Seja Puro (Ame a pureza de coração).

23 = Compra a verdade (Não abra mão da sabedoria).

24 = Pobreza (Não tem ânimo).

25 = A glória de Deus (Deus seja exaltado pela sua criação).

26 = Tolo (Não tem honra).

27 = A amizade (Há verdadeiros amigos).

28 = Justiça (pratique a justiça).

29 = Correção (O bom filho traz delícias ao Pai).

30 = Princípios da vida (Aprenda sobre o Criador).

31 = Mulher virtuosa (Um exemplo).


AUTOR: Evangelista Geraldo de Almeida Filho (Geraldinho)

terça-feira, 27 de outubro de 2009

"JOVENS ESCOLHIDOS"


LEIA COM ATENÇÃO...

Olá queridos!

Este texto é fruto de uma profunda meditação sobre a nossa realidade jovem e a palavra. Sou casado há quase 03 anos e agora Deus nos concedeu uma benção, um filho muito abençoado, e estava reparando, como eu e minha esposa temos 23 anos, quando vamos passear com nosso filho e as pessoas observam 2 jovens com uma criança, parece que consigo imaginar o quem vem em suas mentes –“não usaram preservativo” - ou – “ 03 crianças, que irresponsabilidade”- não as culpo por tal pensamento, pois de fato é uma realidade assombrosa de nossa classe etária. É muito difícil a sociedade aceitar que me casei pela realização de um sonho, sob planejamento financeiro e pessoal. E o casamento me fez crescer, amadurecer, e recomendo o casamento à todos aqueles que entendem que o amor é a base de tudo e supera todas as diferenças.
Mas não é a recepção do casamento pela sociedade que me impressiona, mas sim o exemplo que nós integrantes da mocidade passamos.

É importante frisarmos que todos nós temos força, isto é verdade, fato bíblico, olhe só:

“Jovens, eu vos escrevi, porque sois fortes, e a palavra de Deus permanece em vós, e tendes vencido o Maligno”(Iº João 02:14).

O que temos que fazer para sermos reto diante do nosso Pai é justamente utilizar a forma correta de nossa força. O mais sábio é canalizarmos a nossa força, potencializando-a mais ainda e a tornando uma aliada do nosso espírito, não uma inimiga. Enquanto você tiver vontade de seguir a palavra, ser um ministro fiel e seus olhos estiverem focados em outra coisa você será aquele jovem que comete pecados do tipo “sanfona” (peca, pede-se perdão, peca, pede-se perdão e por ai vai) porque a nossa força é maior do que nossa vontade! Porém, uma vez que nossos olhos estiverem direcionados a um só local, a nossa vontade for a vontade de Deus, ai meu querido e amado irmão, o capeta que se cuide.

Isaías 61:09 "A sua posteridade será conhecida entre as nações, os seus descendentes, no meio dos povos; todos quantos os virem os reconhecerão como família bendita do SENHOR."

Eu sempre recepciono muitos jovens que praticamente tem o mesmo discurso “Diego, o problema é que eu quero fazer a obra, mas não tenho forças!” e sempre respondo: Querido, você tem força, e não é pouca! O problema é que na astúcia do nosso inimigo foi lentamente impregnado em sua mente com o passar dos tempos que a sua força está sendo utilizada na potencia de sua fraqueza. Isso mesmo, o inimigo quase que imperceptivelmente faz com que seu consciente projete sua força para que você seja fraco!

Provérbios 14:08 "A sabedoria do prudente é entender o seu próprio caminho, mas a estultícia dos insensatos é enganadora."

Primeiramente querido, comece por onde sua vontade consegue fazer; Selecionar. Seja aonde você anda, com quem anda, infelizmente esse alerta não perde sua densidade quando eu digo; cuidado com quem anda dentro da igreja. São muitas as pessoas que estão enganadas vivendo um falso “equilíbrio” pensando que é o oposto de ser “religioso”. Vejo muitas pessoas que se denominam cristãs a beira do alcoolismo e que vivem falando que o maior pecado é da religiosidade. Prefiro não entrar muito em religiosidade pois isso aborda um outro estudo. Mas o que eu quero dizer, é que muita gente mesmo já perdeu a sua salvação e o temor a Deus e nem se quer lembra dessa palavra, esqueceu que cristo virá como um ladrão, e não tem sua vida baseada na palavra, abra o olho parceiro, então, selecione suas amizades!

Tudo na nossa vida, primeiro experimentamos depois analisamos se é de nosso agrado ou não, seja um suco, um carro diferente ou até ações do dia a dia.
Orar, jejuar, se prostrar na presença do Pai também segue o mesmo principio! Você não conhece a potencia que tem dentro do seu coração jovem, você pode mudar seu colégio, sua faculdade, seu trabalho, por mais que sua imagem esteja “desgastada”, mesmo que não tenha dado bons testemunhos.

Primeiramente, comece experimentando o algo novo que Deus tem reservado a todos os seus filhos, entra no silêncio, longe dos muitos e diga a Deus o que você pensa de sua vida espiritual. Entre outras palavras, se converta, todos os dias!

Eu sempre ouço muitas pregações, e em sua maioria, o pregador parecia ser um pastor distante de minha realidade, um homem tão de Deus que seria impossível eu conhecer 01% do Deus que ele prega. Era tanta santidade, tantas horas de orações, tantos Jejuns! Meu Deus, nunca conseguirei viver as maravilhas que este pregador diz, são muitos procedimentos a sermos bem sucedidos!

Mas, foi quando um dia eu estava em minha casa, já era madrugada, minha esposa dormia no quarto e eu estava na sala. Sentado no sofá tentava meditar numa palavra que tinha acabado de ler, mas eu sofria tantas tribulações, eram tantas decepções que eu não entendia o propósito de Deus. Na realidade, mesmo que já tinha bons anos de igreja, algo muito mais além disso estava ainda a ser revelado.

Estava também ouvindo um louvor, e comecei a orar… “Senhor, eu não sei quais são seus propósitos, ou, se realmente existem estes tais propósitos em minha vida” foi quando veio no meu coração para que eu apanhasse a chave do meu carro e orasse. Desta maneira eu fiz, era quarta para quinta, e me veio uma certeza no coração, que eu não sabia o que era, mas sabia que aconteceria na sexta-feira. Cheguei do meu trabalho na sexta, normal, mas com aquilo na cabeça, a tal certeza que eu não sabia o que era. Deitei no sofá como de costume, e pra minha surpresa meu coração disparou, estava meio tremendo e não sabia o que era. Sentei com a minha esposa, e sem dar muitos detalhes, disse a ela que sairia pra orar, e que logo retornaria. Acredito que o espírito santo a confortou, pois ela me abraçou e pediu somente pra que eu tomasse cuidado, pois era uma noite fria.

Entrei no meu carro, e sai, simplesmente sai, mas parece que eu sabia pra onde eu estava indo, virava pra direita, pra esquerda, e logo depois de uns 30 minutos fui tranqüilizado em parar o veículo, quando desci do carro, me deparei a um monte razoavelmente alto, que logo comecei a subir. Quando cheguei lá em cima, eu estava com um sentimento de temor, muito grande, coloquei o rosto no pó e agradeci a Deus. Minha oração não passou dos 05 minutos, e quando abri meus olhos, tudo o meu redor estava aceso, isso mesmo, folhas, gravetos e até insetos! Acesos! Eu tremia igual uma vara verde, e dentro de mim, eu ouvia uma voz, era doce e me recomendava fazer muitas coisas! Isso fazem 04 nos, o mover foi tão intenso, que minha sala da faculdade, 80% aceitou a Cristo, meu trabalho também e muitas outras coisas aconteceram!

Nós sempre vamos orar no monte que continua arrebatando verdadeiras multidões, e era justamente nisso que eu queria chegar!
Aconteceu comigo, pobre mortal, de fato acontecerá com você! Quando você ama algo, logo as demais coisas você não dá atenção! E é justamente isso! Se você começar ir ao culto a fim de se alimentar, nos montes, fazer a obra aos poucos, você sentirá um amor que irá dispensar todos os banquetes que o mundo irá oferecer! Isso é potencializar e canalizar sua força, em outras palavras é foco no Senhor!

Prepare-se pra ter suas experiências, ou se já possui e estava afastado, prepare-se para o renovo! Você pode! Não viva a palavra, permita que a Palavra de Deus viva em você!

Eu sou de São Paulo, não carrego a placa da minha igreja nas costas, vivo pelo sacrifício do cordeiro. Caso queira um dia ir juntos ao monte a fim de buscarmos os milagres, o renovo e o perdão, vamos orar juntos neste propósito e buscarmos o Deus que tudo pode!

É tempo de nos unir e resgatar as vidas que estão se afundando nos manjares mundanos!

Isaías 61:09 "A sua posteridade será conhecida entre as nações, os seus descendentes, no meio dos povos; todos quantos os virem os reconhecerão como família bendita do SENHOR."

Fiquem na Paz!

AUTOR: Diego Moralles Silva

terça-feira, 20 de outubro de 2009

"PANORAMA DA CARTA DE PAULO AOS GÁLATAS"


1. As riquezas doutrinárias da Epístola aos Gálatas


  • Paulo defensor da Fé.

  • Galácia uma região propensa ao paganismo.

2. A apostasia causa confusão e divisão na Igreja


  • Paulo luta contra os Judaizantes.

  • As obras da Lei não produzem salvação.

  • Cuida do com a Apostasia.

Apostata = Abandonou a Fé e sai. Nega o Senhorio e Deus.

Herege = Abandonou a fé e fica. Cria outras doutrinas.

  • Cuidado com o fermento.

3. A supremacia de Cristo o poder da Cruz


  • A cruz era símbolo de desonra.

  • Jesus é o único Senhor de nossas vidas.

  • A cruz não foi o fim, mas o início da nossa vitória.

4. Paulo: Um apóstolo aprovado por Deus


  • O ministro deve ser um exemplo em tudo.

Conduta certa, aprovado por Deus, Deus pode confiar nele, bom testemunho, que agrada a Deus, compromisso com a verdade.

  • Devemos levar a nossa cruz.

  • A palavra de Deus é o nosso manual de fé.

  • Cuidado com os inimigos de Deus.

5. Paulo combate o legalismo na Igreja


  • Cuidado com os extremos.

  • O legalismo valoriza as atitudes no lugar da graça de Deus.

  • Paulo defende o seu ministério

6. Paulo defende a pureza do evangelho


  • O cristão precisa ter compromisso com a Palavra de Deus.

  • O cristão precisa prosseguir em conhecer a Palavra de Deus.

  • O cristão deve seguir bons exemplos.

  • O cristão deve ser humilde.

  • Não podemos aceitar inovações, contrárias a Bíblia.

  • Combater o pecado.

7. O argumento irrefutável de Paulo sobre a graça


  • Cristo vive em nós.

  • Quem vem a Jesus, não deve voltar para trás.

  • Jesus muda de dentro para fora.

  • Jesus é a manifestação do amor de Deus.

8. Cristo é a essência do evangelho


  • Cristo tomou sobre si a nossa maldição.

  • Todos são chamados para a salvação.

  • O evangelho transforma o homem caído.


    1. Gálatas: Celebrando nossa filiação em Cristo

  • Somos filhos e não escravos.

  • Precisamos cuidar de nossa herança.

  • Temos valor porque somos amados de Deus.

  • A melhor coisa do mundo é ser filho de Deus.


    1. Gálatas: A Epístola da liberdade

· Consciência santa e pura.

· O ensinamento deve ter base na Palavra de Deus.

· Liberdade e não libertinagem.


11. As obras da carne e o Fruto do Espírito


· As obras da carne nos afastam de Deus. (Gl. 05 v. 19)

· O fruto do Espírito torna o testemunho verdadeiro. (Gl. 05 v. 22)


12. A solidariedade fortalece o testemunho da Igreja


  • Temos que ser solidários.

  • Temos que ter caráter.

  • O que você semeia, vai colher.

  • Precisamos como irmãos em Cristo ter comunhão.

  • Temos que agir a serviço do irmão.


    1. A centralidade de Cristo e a suficiência da cruz

· Estar crucificado e agradar a Cristo.

· Estar crucificado e depender de Cristo.

· Temos que ter as marcas de Cristo.

· Herdaremos as bênçãos com Cristo.


AUTOR: Evangelista Geraldo de Almeida Filho

terça-feira, 6 de outubro de 2009

"PANORAMA DO LIVRO DE JOSUÉ"


LIVRO DE JOSUÉ


Este livro apresenta Jesus Cristo, Capitão da nossa salvação.

Josué (Gr) = Jesus (Salvação. Salvação de Yahweh).

Divisão:

1º Parte = A conquista da Terra prometida (Capítulos 01 ao 12)

• 07 anos de campanhas iniciais
• 23 anos de combates das tribos

2º Parte = A ocupação da Terra prometida (Capítulos 13 ao 24)

Divide-se em 04 partes:

1º A entrada na Terra prometida (Js. 01 v. 01 a 05 v. 12)

2º A conquista de Canaã (Js. 05 v. 13 a 12 v. 24)

3º A distribuição do país (Js. 13 v. 01 a 22 v. 34)

4º As exortações de despedida de Josué (Js. 23 v. 01 a 24 v. 33)

Pontos importantes do Livro de Josué

1. Promessa divina. (Js. 01 v. 01 ao 05)

2. Condições Propostas. (Js. 01 v. 06 ao 09)

3. Espias enviados. (Js. 02 v. 01 ao 24)

4. Passagem do Jordão. (Js. 03 v. 01 ao 17)

5. Os memoriais. (Js. 04 v. 05 ao 10)

6. O Sacrifício em Gilgal. (Js. 04 v. 19 a 05 v. 08)

7. Cessou o maná. (Js. 05 v. 09 ao 12)

8. Muralha de Jericó. (Js. 06 v. 01 ao 21) = A muralha media: 04 metros de largura. Como fizeram:

• Soldados rodearam a cidade uma vez por dia durante 06 dias.
• Sete sacerdotes levaram sete buzinas de chifres de carneiros adiante da arca.
• No sétimo dia rodearam a cidade sete vezes, e os sacerdotes tocaram as buzinas.
• Ouvindo o sonido, todo o povo gritou com grande brado.

9. Pecado escondido. (Js. 07 v. 01 ao 26)

10. Vitória sobre Ai. (Js. 08 v. 01 ao 29)

11. Altar de Renovação. (Js. 08 v. 30 ao 32)

12. Monte Ebal e Monte Gerizim. “Benção e Maldição” (Js. 08 v. 33 ao 35)

13. Aliança maldita com os Gibeonitas. (Js. 09 v. 03 ao 27)

14. Vitórias de Israel. (Js. 10 e 11)

• Choveu gelo
• O “sol” parou
• Os carros atolaram

15. Muita terra ainda para possuir. (Js. 13 ao 24)

• Cada tribo deveria lutar pelo seu território

16. Distribuição das terras. (Js. 13 ao 24)

17. A tribo de Levi não ganhou terra. (Js. 13 v. 33) “O Senhor Deus é a sua herança”

• Foram distribuídos em 48 cidades pela terra de Canaã.

18. Lutem pela sua herança. (Js. 18 v. 01 ao 10)

19. Cidade de refúgio. (Js. 20 v. 01 ao 09)

20. Paz na terra e a benção. (Js. 22 v. 01 ao 10)

21. Sermão de despedida. (Js. 23 e 24)

22. Josué morre com 110 anos de idade. (Js. 24 v. 29)


AUTOR: Evangelista Geraldo de Almeida Filho (Geraldinho)

sábado, 3 de outubro de 2009

"ALCANÇANDO A VITÓRIA"


TEMA: JOSUÉ Cap. 08 v. 30


06 Princípios para alcançar a vitória, baseado em Israel alcançando a terra prometida.


1. Reconhecimento da Promessa: (HB. 10 v. 23) = “Retenhamos firmes a confissão da nossa esperança, porque fiel é o que prometeu.”


2. Lealdade a ELE: (Dt. 30 v. 16 ao 18) = “Porquanto te ordeno, hoje, que ames o Senhor, teu Deus, que andes nos seus caminhos e que guardes os seus mandamentos, e os seus estatutos, e os seus juízos, para que vivas e te multipliques, e o Senhor, teu Deus, te abençoe na terra, a qual passas a possuir.” / v. 17 = “Porém, se o teu coração se desviar, e não quiseres dar ouvidos, e fores seduzido para te inclinares a outros deuses, e os servires.” / v. 18 = “Então, eu te denuncio, hoje, que, certamente, perecerás; não prolongarás os dias na terra a que vias, passando o Jordão, para que, entrado nela, a possuas.”


3. Acesso a DEUS é pela fé: (Rm. 01 v. 17) = “Porque nele se descobre a justiça de Deus de fé em fé, como está escrito: Mas o justo viverá da fé.” / Israel para se achegar a Deus era por meio de altares e sacrifícios. / Monte Ebal (HB) Descoberto e Monte Gerizim (HB) Terra Estéril. Coloque altares a Deus no Monte da sua Maldição. E proclame a benção na Terra Estéril.


4. Coloque DEUS junto com sua vitória: (PV. 21 v. 31) = “O cavalo prepara-se para o dia da batalha, mas do Senhor vem a vitória.” / Foi no monte Ebal que Israel levantou o primeiro altar depois de possuir a terra prometida.


5. A notícia da vitória vai espalhar e trazer inimigos: (Js. 09 v. 04 e 09) = “Usaram também de astúcia, e foram, e se fingiram embaixadores, e tomaram sacos velhos sobre os seus jumentos e odres de vinho velhos, e rotos, e remendados.” / Gibeonitas / v. 09 = “E lhe responderam: Teus servos vieram de uma terra mui distante, por causa do nome do Senhor, teu Deus; porquanto ouvimos a sua fama e tudo quanto fez no Egito.”


6. Deus peleja por nós: (Js. 10 v. 08 ao 15) = Ler. / Com um DEUS desse quem vai temer algo ? A vitória é nossa em nome de JESUS.



AUTOR: Evangelista Geraldo de Almeida Filho

video